01 maio, 2008

Questões Para o GT Ecumenismo


Amig@s Ecumenic@s,
Paz e Unidade,
Está disponível no site da IM uma nota sobre o GT ecumenismo. Parece oportuno uma interação com o Grupo de Trabalho no sentido de tentar compreender a avalição do grupo sobre o Movimento Ecumênico Brasileiro.
Sobre a afirmação:

"Especificamente, duas dessas formas são ressaltadas por alguns membros do grupo como problemáticas e incompatíveis com a realidade das igrejas: o diálogo inter-religioso na forma de uma aproximação mais intensa, com atividades celebrativas (cultos inter-religiosos) e o diálogo com igrejas alternativas de orientação homossexual. Há, também, dificuldades no relacionamento com a Igreja Católica, sobretudo no interior, que se revela mais tradicionalista e fechado do que os grandes centros urbanos."
É oportuno algumas perguntas:
1 - Qual é o entendimento do GT sobre Ecumenismo e Diálogo Inter-religioso?
2 - O que para o GT são atividades celebrativas?
3 - Que situações reais o GT pode apontar em que o Movimento Ecumenico Brasileiro tem estabelecido diálogo com igrejas alternativas de orientação homossexual?
A Nota também afirma que "O grupo tem sublinhado a afirmação de que a Igreja Metodista no Brasil não deixou de ser ecumênica com a decisão do último Concílio Geral e continua engajada em uma série de causas e organizações ecumênicas em que historicamente se fez presente". Deve ser perguntar ao GT quais organizações ecumênicas e quais as causas ecumênicas a IM ainda está engajada?
Como o objetivo do GT é Informar melhor "as igrejas e a sociedade" é importante que @s ecumenic@s contribuam e interajam com o GT.
__________
Maria Newnum - 6ªRE - Movimento Ecumênico de Maringá
Foto: MECUM Maringá em manifesto contra Crimes na Internet

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home