30 janeiro, 2007

O país mais católico e o mais pentecostal do mundo

SÃO PAULO, 30 de janeiro (ALC) – Se o Brasil é conhecido como o maior país católico do mundo, agora passa a ser também o maior país pentecostal do planeta. Relatório do World Christian Database indica que o Brasil tem 24 milhões de seguidores de igrejas pentecostais, superando por larga margem os Estados Unidos, com 5,8 milhões de pentecostais, onde surgiu essa vertente do protestantismo.

O World Christian Database é uma base de dados elaborada pelo Seminário de Teologia Gordon-Conwell, um dos quatro maiores dos Estados Unidos, e sem vínculo com alguma igreja, noticiou a Folha de São Paulo, ontem. O levantamento é realizado no mundo inteiro, e os dados correspondem a 2006.

Outra pesquisa, da fundação estadunidense Pew Fórum, que estuda a influência da religião na sociedade, mostrou que 62% dos pentecostais brasileiros não nasceram em berço pentecostal, e que 45% se converteram a partir do catolicismo. Pelo Censo brasileiro de 2000, os católicos somavam 138 milhões de fiéis.

Na análise de estudiosos, a Renovação Carismática Católica, tida como uma vertente capaz de estancar a transferência de fiéis do catolicismo ao pentecostalismo, não alcançou os resultados esperados. Ainda assim, segundo a Pew Fórum, 34% da população brasileira se dizem carismáticos, o que equivale a 62 milhões de pessoas.

Mas os hábitos dos carismáticos católicos não diferem muito de outros cristãos. O professor da pós-graduação em ciências sociais da Universidade Federal de São Carlos, Paul Freston, ouvido pela Folha de São Paulo, disse que assim como existe no Brasil a categoria de “católico não-praticante” está surgindo o termo “católico carismático não-praticante”.

A pesquisa da Pew Fórum constatou que 86% dos pentecostais brasileiros freqüentam a igreja pelo menos uma vez por semana, índice que cai para 38% quando se trata da população brasileira como um todo. Quanto à leitura da Bíblia, 51% dos pentecostais afirmaram que a lêem todos os dias, contra 16% das demais pessoas.

Agência Latino-Americana e Caribenha de Comunicação

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home