19 janeiro, 2007

Santa Sé preocupada com ameaças à dignidade da mulher

Por Claudia Florentin

NOVA IORQUE, 18 de janeiro (ALC) - "Abordar o flagelo da violência que padece a mulher na sociedade contemporânea", esse é o objetivo da reflexão convocada pela Missão da Santa Sé perante as Nações Unidas, agendada para o dia 27 de fevereiro, na Family Church, em Nova Iorque.

Segundo informações da Agência Zenit, os palestrantes do encontro debaterão temas como "Violência doméstica: questões de serviço e política", "Exploração sexual de mulheres e crianças: tráfico,
prostituição e armas de guerra" e "Violência de gênero: direitos humanos internacionais e política de reunificação familiar".

O evento contará com a moderação da professora de Teologia em St. John’s University, Marilyn Martone. O encontro pretende identificar as motivações sociais, econômicas e legais relacionadas à violência exercida sobre a mulher. Projeta-se apresentar uma série de eventos em conjunto nas próximas reuniões das Nações Unidas.

É interessante que a Igreja Católica, que continua se negando a aceitar os direitos sexuais e reprodutivos das mulheres como tema de discussão e debate, o uso de preservativo como elemento de planejamento familiar e prevenção de doenças, e a despenalização do aborto para evitar mortes em conseqüência de abortos clandestinos, seja a promotora desse debate.

---------------------------------------------------------------------------------
Agência Latino-Americana e Caribenha de Comunicação

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home